Notícia

Semana de Meninas e Mulheres na Ciência: jurada e cientista vencedora participam de evento que estimula em jovens o interesse pela carreira científica

30.10.2018

Evento da Uerj tem o apoio do L’Oréal-UNESCO-ABC Para Mulheres na Ciência, programa que reconhece o trabalho de sete cientistas brasileiras todos os anos

A primeira Semana de Meninas e Mulheres na Ciência da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) ocorre entre os dias 5 e 9 de novembro e o programa L’Oréal-UNESCO-ABC Para Mulheres na Ciência apoiará a iniciativa. O prêmio será representado por Cristina Garcia, Diretora Científica da L’Oréal Brasil e uma das juradas do programa, e a matemática Cecília Salgado, premiada na edição de 2015. O evento tem o objetivo de estimular jovens e meninas a seguirem as carreiras científicas. Na programação, haverá oficinas nos laboratórios da universidade e palestras sobre a participação feminina em áreas como Física, Química, Matemática e Geociências. Além disso, meninas a partir dos 12 anos também podem inscrever seus projetos em uma Feira de Ciências.

Inscreva-se para as oficinas aqui!

Para a geóloga Fernanda Campos Furtado, organizadora do evento, a Semana é uma oportunidade de discutir a desigualdade de gênero e mostrar às jovens todo o seu potencial. “Desde pequenas, meninas têm sua educação influenciada por estereótipos de gênero. Elas crescem com a visão de que alguns espaços são apenas masculinos. Isso ocorre principalmente quando pensamos em áreas científicas, como as engenharias”, diz. “Nosso maior objetivo é motivar meninas para que acreditem que mulheres podem ser tudo, inclusive cientistas.”

Parceria entre iniciativas ajuda a criar modelos para as jovens

Cristina Garcia participará de uma mesa-redonda que encerra a Semana de Meninas e Mulheres na Ciência. Para ela, eventos como esse ajudam a criar modelos para as jovens. “Para quem está começando, é importante ter referenciais para se espelhar, tanto no que é bom quanto no que pode ser evitado”, explica. Nesse sentido, ela também destacou a importância do Para Mulheres na Ciência. “É um programa que incentiva mulheres cientistas em momentos-chave de suas carreiras, para que possam avançar com suas pesquisas, além de dar mais visibilidade para os projetos”.

A matemática Cecília Salgado será uma das palestrantes do evento e acredita que é uma oportunidade para discutir um tema importante para a sociedade. Vencedora do prêmio Para Mulheres na Ciência em 2015, ela vê o programa como um divisor de águas em sua carreira. “Nos últimos três anos pude estabelecer minha agenda de pesquisa no Brasil e agora conto com um bom grupo de alunos de iniciação científica, mestrado, doutorado e um pós-doutorando sob minha supervisão”, conta. “É muito prazeroso ter esse grupo trabalhando na minha área, com o qual posso trocar ideias e avançar minha pesquisa de maneira mais veloz, concreta e palpável”.

Para Fernanda, as parcerias são os primeiros passos para mudanças no cenário atual. “Essa mudança é gradativa, ainda vai demorar muito para alcançarmos a igualdade, mas quando fazemos isso juntos vemos que é possível”. A expectativa da organização é que a Semana de Meninas e Mulheres na Ciência estimule a confiança das jovens sobre o futuro.