Notícia

6 livros sobre mulheres cientistas para se inspirar

17.03.2020

Confira uma lista de livros baseados nas histórias reais de mulheres cientistas que mudaram o mundo

 

Quantas histórias sobre mulheres cientistas você já conhece? Desde o mundo antigo até os dias de hoje, não faltam exemplos notáveis de pioneirismo, inovação e empoderamento feminino em diversos campos da ciência – e a boa notícia é que essas histórias fascinantes podem ser encontradas em livros pra lá de inspiradores! Quer algumas dicas? Separamos 6 opções de leitura para quem deseja conhecer a trajetória de mulheres que conseguiram mudar o mundo e deixar um legado na ciência superando as adversidades no caminho.

 

1. Wonder Women: 25 Mulheres Inovadoras, Inventoras e Pioneiras que Fizeram a Diferença

 

Reunindo as histórias de 25 mulheres cientistas, engenheiras, matemáticas e inventoras que quebraram barreiras com seus feitos e conquistas, esse livro enaltece aquelas que se recusaram a ser apenas coadjuvantes na ciência e na vida – mesmo quando ainda não tinham o apoio e recursos necessários para isso. Com conteúdo inspirador e linguagem atual, a obra escrita por Sam Maggs ainda conta com as ilustrações criadas por Sophia Foster para deixar a leitura ainda mais leve e fácil.

 

2. As Cientistas: 50 Mulheres que Mudaram o Mundo

 

Escrita por Rachel Ignotofsky e traduzida por Sonia Augusto, essa obra celebra as contribuições de 50 mulheres que abriram caminho para futuras gerações de cientistas ao redor do mundo – como a química Marie Curie e a física e matemática afro-americana Katherine Johnson, que calculou a trajetória da missão Apolo 11 até à lua. O livro ainda conta com um glossário científico ilustrado, desenhos delicados espalhados por todas as páginas, além de infográficos sobre assuntos como mulheres que trabalham atualmente na ciência, por exemplo.

 

3. Mulher faz Ciência: dez cientistas, muitas histórias

 

Que tal um e-book gratuito sobre mulheres cientistas de diferentes faixas etárias e classes sociais para mostrar que é possível lutar pela igualdade de espaço na ciência? Nesta obra do Projeto “Minas Faz Ciência” e escrita por Alessandra Ribeiro, você vai encontrar dez histórias admiráveis de pesquisadoras brasileiras que superaram desafios, driblaram o preconceito e mostraram que meninas e mulheres podem ser o que elas quiserem, inclusive cientistas. Para baixar, é só clicar no link e aproveitar a leitura!

 

4. Mulheres na Física Casos Históricos, Panorama e Perspectivas

 

Perfeito para quem busca material sobre o debate das questões de gênero na ciência, esse livro organizado à cinco mãos se propõe a trazer não só uma avaliação quantitativa da situação sobre a participação de mulheres na física, como também descreve a vida e conquistas dessas pesquisadoras que fazem a diferença no cenário científico. A obra é uma ótima oportunidade de conhecer mais sobre a trajetória de fisicistas admiráveis que foram pioneiras para a física no Brasil e no mundo.

 

5. Mulheres Fortes: O que Tinham em Comum as Mulheres Laureadas com o Prêmio Nobel?

 

Já parou para pensar o que as laureadas com o Prêmio em Nobel tinham em comum? Segundo a obra escrita por Maria Cecilia Coutinho de Arruda, o que todas as cientistas premiadas compartilharam em suas trajetórias foi a força – e é exatamente isso que a autora aborda nas páginas do livro. A leitura é obrigatória para quem quer conhecer os feitos e virtudes que as ganhadoras do Nobel desenvolveram até chegar à excelência no campo em que foram reconhecidas.

 

6. Gênio Obsessivo

 

Marie Curie é uma das referências de mulher e cientista que esteve à frente de seu tempo – mas, no livro escrito por Barbara Goldsmith, é possível ir além e conhecer a figura feminina e obstinada por trás da franco-polonesa mundialmente famosa pelas suas descobertas sobre a radioatividade. Na obra, feita através de entrevistas com pessoas ligadas à família e de documentos pessoais (como o diário e a correspondência de Marie), é narrada a trajetória fascinante de uma mulher que venceu o preconceito intenso em um mundo dominado por homens.